WMS - Warehouse Management System: Benfeitorias Proporcionadas pela Implantação em um Centro Distribuidor e Atacadista

Lévistone Fávero, Sabrina Nascimento, Suzete Antonieta Lizote, Miguel Angel Verdinelli

Abstract


Atualmente as empresas estão inseridas em ambientes altamente dinâmicos e competitivos, onde a gestão de estoque se torna uma vantagem frente aos concorrentes, quando a organização utiliza sistemas especialistas de gerenciamento de armazéns que subsidiam o processo de tomada de decisão. O estudo busca descrever as benfeitorias proporcionadas pela implantação de um sistema WMS (WAREHOUSE MANAGEMENT SYSTEM) de gerenciamento de armazéns, em um centro distribuidor e atacadista do segmento de higiene pessoal e limpeza em Cordilheira Alta/SC. Na metodologia, optou-se por uma pesquisa descritiva por meio de estudo de caso qualitativo básico, com abordagem qualitativa dos dados. Os resultados apontam que a implantação do WMS trouxe resultados positivos para o processo decisório da organização, além de acarretar mudanças perceptíveis nas rotinas realizadas no centro de distribuição que demonstram a eficiência em receber, alocar, separar, embalar e expedir produtos de forma segura para atender com eficiência os pedidos dos clientes.


References


Arbache, F. S. et al. (2011). Gestão de logística, distribuição e trade marketing. 4.ed. Rio de Janeiro: Editora FGV.

Arieira, J. O. (2012). Sistema WMS (Warehouse management system): relato de um estudo de caso sobre o desenvolvimento e implantação em uma indústria alimentícia no noroeste do Paraná. Revista Ciências Empresariais UNIPAR, Umuarama, 13 (1), 7-28.

Banzato, E. (1998). WMS - Warehouse Management System: sistema de gerenciamento de armazéns. São Paulo: IMAM.

Ballou, R. H. (2006). Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos/Logística Empresarial. 5 ed. Porto Alegre: Bookman.

Ching, H. Y. (2010). Gestão de estoques na cadeia logística integrada: supply chain. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2010.

Costa, W. A. S. & Gobbo Júnior, J. A. (2008, outubro/dezembro). Etapas de implementação de WMS: estudo de caso em varejista moveleiro. GEPROS – Gestão da Produção, Operações e Sistemas, 3 (4), 101-121.

Gil, A. C. (1999). Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas.

Guarnieri, P., Chrusciak, D.; Oliveira, I. L.; Hatakeyama, K. & Scandelari, L. (2009, janeiro/abril). WMS – Warehouse Management System: adaptação proposta para o gerenciamento da logística reversa. Produção, 16 (1), 126-139.

Hékis, H. R.; Moura, L. C. M.; Souza, R. P. & Valentim, R. A. M. (2013, outubro/dezembro). Sistema de informação: benefícios auferidos com a implantação de um sistema WMS em um centro de distribuição do setor têxtil em Natal/RN. RAI - Revista de Administração e Inovação, 10 (4), 85-109.

Machado, A.; Sellitto, M. A. (2012, janeiro/março). Benefícios da implantação e utilização de um sistema de gerenciamento de armazéns em um centro de distribuição. Revista Produção Online, 12 (1), 46-72.

Marconi, M. A. & Lakatos, E. M. (1999). Técnicas de Pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisas, elaboração, análise e interpretação de dados. 3 ed. São Paulo: Atlas.

Martins, V. W. B.; Brito, S. B. P.; Freitas, C. F. & Nunes, V. C. M. (2010). Sistemas de gerenciamento de armazéns WMS (Warehouse Management Systems): estudo de caso em uma empresa do setor alimentício. Anais do Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 30, São Carlos, Brasil.

Merriam, S. B. (1998). Qualitative research and case study applications in education. San Francisco: Jossey-Bass.

Pereira, S. R.; Toquetti, L. Z.; Ricci, D.; Duarte, J. M. (2010, julho/dezembro). Informática em Logística: sistema WMS para gestão de armazéns. Faschi-Tech – Periódico Eletrônico da FATEC, 1 (3), 148-162.

Prodanov, C. C. & Freitas, E. C. (2009). Manual de Metodologia Científica. 3 ed. Novo Hamburgo: Feevale.

Richardson, R. J. (1999). Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. São Paulo: Atlas.

Silva, R. M. (2013). Utilização do Warehouse Management System – WMS na atividade de picking em um centro de distribuição: uma abordagem qualitativa. Anais do Congresso Nacional de Excelência em Gestão, 9, Rio de Janeiro, Brasil.

Silva, F. S. D. & Oliveira, J. R. (2013). Tecnologias WMS e SAP R/3 em gestão de materiais – aplicação e análise das contribuições. Anais do Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia, 10, São Paulo, Brasil.

Soares, E. (2003). Metodologia Cientifica: lógica, epistemologia e normas. São Paulo: Atlas.

Sucupira, C. (2004). Gestão de Depósitos e Centros de Distribuição através dos Softwares WMS. Recuperado em 5 de dezembro de 2014. http://www.cezarsucupira.com.br/artigos111.htm.

Viana, M. F. & Rodrigues Neto, A. P. R. (2012). A importância do sistema WMS Warehouse Management System no gerenciamento de armazéns. Revista de Administração, 7.

Yin, R. K. (2003). Estudo de caso: planejamento e métodos. São Paulo: Bookman.




DOI: https://doi.org/10.24023/FutureJournal/2175-5825/2016.v8i2.250

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Comments on this article

View all comments




Copyright (c) 2016 Future Studies Research Journal: Trends and Strategies

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Future Stud. Res. J. e-ISSN: 2175-5825

Mailing Address: Avenida Drª Ruth Cardoso, 7221 - CEP 05425-070 - Pinheiros - São Paulo/SP - Brasil

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.